Varejo acelera em Janeiro e cresce 1,3% - VinhaSoft

Receba Novidades, promoções e muito mais.

X

Últimas Notícias

Varejo acelera em Janeiro e cresce 1,3%

O varejo brasileiro continua sua trajetória de recuperação, seguindo a tendência registrada desde o terceiro trimestre do ano passado. O Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) aponta que, em janeiro, o desempenho do mercado teve alta de 1,3%, na comparação com o mesmo período de 2017, descontando a inflação que incide sobre os setores do varejo ampliado. Em termos nominais, que reflete o que o varejista de fato observa na receita das suas vendas, o indicador reforça a retomada: alta de 2,6% em janeiro na comparação com o ano anterior.

O desempenho total do mês de janeiro foi prejudicado pelo calendário, principalmente pelo feriado de confraternização universal que caiu em uma segunda-feira, enquanto que em 2017 o dia 1º de janeiro foi no domingo – tradicionalmente o dia da semana de menor movimento do varejo.

Ajustados aos impactos de calendário, o índice deflacionado apontaria alta de 1,9%, leve aceleração em relação ao observado no mês de dezembro (1,7%). Pelo ICVA nominal, com os ajustes de calendário, o indicador apontaria alta de 3,2% em comparação com o mesmo período de 2017. “Se observarmos o desempenho do varejo nos últimos meses, notamos de fato uma trajetória de recuperação do ritmo de crescimento”, afirma Gabriel Mariotto, diretor de Inteligência da Cielo.

Inflação no período

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) apurado em janeiro pelo IBGE apontou alta de 2,86% no acumulado dos últimos 12 meses, enquanto que em dezembro registrou 2,95%. Essa desaceleração, assim como aconteceu nos últimos três meses, foi puxada principalmente pelos preços dos itens do setor de Habitação – que não impactam diretamente o comércio varejista.

Ponderando o IPCA pelos setores e pesos do ICVA, a inflação no varejo ampliado em janeiro ficou em 1,3%, registrando aceleração em relação a dezembro (0,9%). No caso da inflação do varejo, o item que mais contribuiu para a aceleração foi novamente o de combustíveis para veículos.

Varejo Setores

Os resultados foram puxados pelo crescimento na comparação ano contra ano dos macros setores de Bens Não Duráveis e Serviços, enquanto o de Bens duráveis e semiduráveis ficou praticamente estável. Os setores de destaque foram os de Supermercados e Hipermercados, Turismo e Transporte e o de Drogarias e Farmácias. No mesmo período de análise, a retração de maior relevância ficou por conta dos Postos de Gasolina, seguindo os resultados registrados nos últimos meses.

Na passagem entre dezembro de 2017 e janeiro 2018, as maiores acelerações foram em Supermercados e Hipermercados e Vestuário e Artigos Esportivos. Já as maiores desacelerações ficaram nos setores de Recreação e Lazer e Móveis, Eletroeletrônicos e Lojas de Departamento.

Regiões

Já em relação às regiões, nesta mesma base de comparação (dezembro de 2017 e janeiro de 2018), os destaques foram para Norte, Nordeste e Centro-Oeste que aceleraram no varejo.

Pelo ICVA deflacionado sem ajustes de calendário, comparando com o mesmo período do ano anterior, o varejo ampliado no Norte registrou alta de 5,7%. Já ambas as regiões Sul e Nordeste registraram alta de 2,6%, enquanto que Sudeste e Centro-Oeste registraram alta de 0,7 % e 0,6%, respectivamente.

Já pelo ICVA nominal – que não considera o desconto da inflação – o destaque também foi a região Norte, que registrou alta de 5,7%. As regiões Sul e Nordeste, registraram altas de 4,0% e 3,7%, respectivamente. Por fim, a região Sudeste apresentou alta de 2,0% e a região Centro-Oeste registrou 1,8%.

O Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) acompanha mensalmente a evolução do varejo brasileiro de acordo com a sua receita de vendas, com base em um grupo de mais de 20 setores mapeados pela Cielo, de pequenos lojistas a grandes varejistas. O peso de cada setor dentro do resultado geral do indicador é definido pelo seu desempenho no mês.

 

Soluções Vinhasoft

Abaixo você encontrará o Software de gestão ERP ideal para sua empresa, seja ela do segmento de varejo, atacado, distribuidor e indústria. O Sistema de Gestão ERP da Vinhasoft é especializado em diversos segmentos contando com uma aderência de mais de 24 anos de regras de negócios no Software de Gestão ERP aos modelos de negócios existentes facilitando uma implantação rápida e principalmente de baixo custo. Entre os segmentos onde a Vinhasoft é considerada especialista no mercado destacamos o Software de Gestão para loja de material de construção, sistema para Home Centers,  Sistema de Gestão para lojas de  embalagens, Sistema de Gestão para autopeças, Sistema de Gestão para loja de cosméticos, Software de Gestão para atacado, Software de Gestão para distribuidores, Sistema para controle de produção, ou um vendedor que busca toda mobilidade através de um Sistema de vendas externas que só sistema VSI Mobile pode te trazer.

 

Tags:

Deixar uma resposta